Moleque vence a Lusa e segue invicto nos amistosos

Com gol do atacante Bruno Santiago, Juventus vence a Portuguesa por 1 x 0.

Rodrigo Pucci - São Paulo
Imagem do amistoso entre Juventus x Portuguesa (site oficial C.A.J.)
Copa Paulista - A equipe juventina comandada pelo técnico Rodrigo Santana, segue imbatível nos amistosos preparatórios para a Copa Paulista, vencendo a  Portuguesa no terceiro jogo-treino da temporada, realizado na tarde desta segunda-feira (29/06), no CT da Lusa.
Thiaguinho, atacante querido da torcida, entrou no segundo tempo.
Rodrigo Santana colocou em campo  no 1° tempo a seguinte equipe: André Dias; Rafael Ferro, Borges, Victor Sallinas, Lucas Pavone; Fellipe Nunes, Derli, Rafael Branco, Adiel; Diogo e Gueguel.No 2° tempo, fez alterações na equipe com os seguintes atletas: André, Charles (Bryan), Léo, Rodolfo, Cássio, Diogo, Athaíde, Élvis, Thiaguinho (Felipe Hereda), Nerilon e Renato Sorriso (Bruno Santiago).
Rodrigo Santana e sua comissão técnica
O gol da vitória foi anotado por Bruno Santiago no segundo tempo da partida.
“Foi mais um jogo importante na nossa preparação, enfrentamos uma equipe da Série C. Aos poucos, os jogadores vão adquirindo ritmo e ainda estão em um estágio inicial de preparação, mas a evolução é evidente na equipe, temos muito que evoluir, mas com certeza estamos no caminho certo”, comentou Rodrigo Santana.
No primeiro amistoso realizado no dia 25 de junho, a equipe juventina venceu o Oeste (SC) por 2 a 0, com gols de Lucas Pavone e Gueguel.No segundo, dia 26 de junho, empatou com o São Caetano por 1 a 1. Rafael Branco foi o autor do gol juventino.
Próximo amistoso: O Campeão Paranaense, o Operário também segue sua rotina de treinos e atrás de amistosos para que o elenco ganhe entrosamento para a estreia no Campeonato Brasileiro da Série D. Para isso, o clube acertou duelo contra o Juventus no dia 5 de julho, em Ponta Grossa.

Comentários

  1. Aos poucos o barco está afundando. O timoneiro e seu ajudante estão tranquilos e tanto o timoneiro como seu ajudante sabem nadar muito bem em águas revoltas, tem experiências de outras diversas catástrofes e sobrevividos sãos e salvos. Isso lembra o Naufrágio do Costa Concordia e o Capitão Francesco Schettino que juntamente o imediato, alguns pouquíssimos ratos de porão e alguns papagaios de piratas entraram no barco salva-vidas e conseguiram se salvar. Os outros, muitos da tripulação e diversos passageiros morreram, e todos confiavam muito no Capitão

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.