Múcio não aguenta a pressão e deixa o cargo de Presidente do Conselho do Juventus

Se é para o bem da nação Juventina, diga a todos que "EU SAIO" !
Ex Presidente Múcio Borba(centro) e seus Vices Newton Baptista e Agora o Novo Presidente Itamar Capano (gravata).


Após uma série de "trapalhadas", o agora Ex-Presidente do Conselho, Sr. Múcio Borba, renunciou no fim da tarde, desta segunda feira (02).
Sua saída foi motivada por uma série de erros cometidos e por alguns "passa- moleque" que membros da diretoria executiva deram nele, com situações que o deixaram muito mal perante aos Conselheiros do Clube.

SUCESSÃO DE ERROS

Entre seus maiores erros, podemos destacar, os erros na convocação da eleição da Diretoria Executiva em Novembro 2013, erro na emissão do primeiro pedido de Impeachment ao Presidente do Executivo, Não ter assumido interinamente o cargo no dia 01/01/2014, Ter concordado com o famoso "acordão" que protelou o mandato do Presidente, Ter concordado com a candidatura do Rodolfo a reeleição sem ter as suas contas aprovadas, ter sido relapso com o "Acordão dos Eletricitários", todos erros de gravidade altíssima.

DUPLA QUE NÃO VAI DEIXAR SAUDADES!

Na verdade, o Juventus esta nesta triste situação, exatamente por que nunca teve em sua história, uma dupla de Presidentes (Conselho e Executivo) tão fracos administrativamente.

VICE ITAMAR ASSUME..... ( Já vimos esse filme )

Assume no lugar do Múcio Borba, o Vice Presidente Itamar Capano (deve ser tipo Tiririca, pior que tá não fica), estou brincando, nem conheço o novo Presidente, mas sinceramente desejo que ele faça ao menos a obrigação que o cargo o obriga a fazer e que seja duro nas cobranças, aproveitamos desde já para desejar "BOA SORTE".

QUE VENHA O IMPEACHMENT

De cara, gostaria muito que o mesmo convoque uma reunião extraordinária para analise da prestação de contas da Diretoria Executiva.
Quem sabe tenha chegado alguém para começar a moralizar o clube.

Vamos ficar de olho!  
 

Comentários

  1. Já foi tarde sr. Múcio.
    Agora assume o seu vice Sr. Itamar
    Já era péssimo a administração do conselho
    agora... vai ser horrível!!
    Um senhor faz de conta....
    Que não tem voz ativa...
    e que vai continuar com a mesma chacrinha....
    o mesmo colegiado....
    ou seja, saiu um.... entra outro.... pior

    ResponderExcluir
  2. NO CASO DO RODOLFO DISPUTAR AS ELEIÇÕES, FOI UMA ORDEM JUDICIAL, O MUCIO NADA PODERIA FAZER

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poderia sim!! Teve mais de 1 ano e meio para pedir o Impeachement do Presidente da Executiva!!! Foi omisso, não teve culhão roxo para colocar esse cara pra fora e ainda meter um processo, como foi feito no passado com outros administradores...

      Excluir
  3. Se realmente o Presidente do Conselho renunciou, já vai tarde de mais, pois não deixa de ser o maior OMISSO que esse clube já teve em 90 anos.

    Pois bem e agora como ficamos, uma vez que:
    1) Presidente - Mucio - Renunciou
    2) Primeiro vice - Newton Baptista - Renunciou
    3) Secretário - Ivan Antipov - Renunciou para concorrer a eleição

    O que podemos esperar do Itamar? Acredito que ele tem que chamar uma eleição para compor a presidência do conselho!!! O que diz o estatuto com relação a esse assunto? E qual estatuto está em vigor?


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O secretário Ivan, não renunciou. Pois não foi eleito. É cargo de confiança do Presidente do Conselho. Que aliás, pode ser nomeado em qualquer momento.
      Portanto, ele não deixou de ser "secretário' apenas aparentemente.
      Por isso que as "cagadas" continuam....
      Podem ir lá na Secretaria do Conselho
      Veja quem está lá, quem é o responsável pelo recebimento de E-mails enviados ao Conselho. Ele!
      Só ele tem a senha. Nem a secretária tem acesso.
      Então senhores conselheiros, cuidado ao enviar e-mail para o Conselho, pois passará pelo crivo crítico do Sr. Ivan....
      absurdo isso!
      Quanto as renúncias do Presidente e do 1º Vice, não tem problema.
      O problema está com a passagem automática para o 2º Vice, Sr. Itamar, que durante esse tempo todo esteve presente e participou das decisões errôneas da presidência.
      Ele vai empurrar com sua "enorme" barriga a podridão instalada naquela sala de compadres até terminar o mandato no final deste ano. Falta pouco.
      Assim, não vai acontecer nenhuma punição ao Rodolfo pela falta de prestação de contas, e pelas contas reprovadas. Assim, pelos atos irregulares.
      Então, vamos ficar como estamos.
      Ou seja: na mesma.
      Agora, cá entre nós sócios e conselheiros, que é um absurdo o sr. Ivan ter acesso exclusivo aos e-mails enviados ao Conselho... isso é....
      Outra coisa, qual o motivo que o quadro informativo da relação dos conselheiros estar fixado dentro da sala do Presidente, e não, na sala de estar dos conselheiros?
      Medo das falcatruas de passagem de conselheiro "amigo" para vitalício sem ter o tempo necessário?
      Qual o motivo que até hoje essa mesma lista "atualizada sempre" não estar no site do Clube???
      Cabe processo administrativo contra o sr. Múcio pela omissão das irregularidades do Executivo, e principalmente, pelos vários erros administrativos que causaram tantos transtornos ao clube.
      Renunciar é fácil... Sai e pronto?
      Comete erros, omissões, pactua com o executivo acordões, etc
      Portanto, o Sr. Múcio deve ser responsabilizado diretamente pelos danos ao CAJ, e não simplesmente passar o bastão para outro incompetente que em tudo esteve presente e aceitou.
      Não devemos esquecer que se o Itamar renunciar ou tiver qualquer impeditivo - renúncia, afastamento por doença, etc quem assume a presidência temporariamente e convocará eleições é exatamente o Presidente do Executivo, Sr. Rodolfo. Vejam só!!!
      O poder absoluto!

      Excluir
    2. Anônimo acima por favor veja o que diz o estatuto:

      CAPÍTULO XIII – DA VACÂNCIA DOS CARGOS DIRETIVOS

      Art. 81. -Em caso de vacância do cargo de Presidente do Conselho Deliberativo, assumirá o cargo 1º Vice-Presidente e na falta deste o 2º Vice-Presidente e na falta dos dois, o Presidente da Diretoria Executiva convocará, em regime de urgência, no prazo máximo de 10 (dez) dias, reunião do Conselho Deliberativo que terá por incumbência eleger um Presidente interino, o qual determinará a data de novas eleições, que não poderá exceder de 30 (trinta) dias desta reunião, para o preenchimento do cargo existente, observando-se as determinações estatutárias cabíveis.

      § 1º No caso de vacância do/s cargo/s de Vice-Presidente/s do Conselho Deliberativo, o Presidente do Conselho, convocará reunião extraordinária e indicará ao plenário o/s nome/s do/s substituto/s.

      I – A votação para aprovação do/s nome/s proposto/s será de maioria simples (50% +1) dos membros presentes à reunião.

      II – A forma de votação será de decisão do Presidente do Conselho Deliberativo, de acordo com os dispositivos determinados pelo Art. 88 e seus §, deste Estatuto.

      § 2º Os eleitos assumirão tais cargos em mandato-tampão para o restante do período originalmente fixado para os membros substituídos, desde que ele seja inferior à metade deste mandato menos um dia.

      § 3º Caso seja superior à metade do mandato mais um dia do originalmente fixado, será o período para o qual são eleitos considerado como mandato integral e computado para fins de reeleição.

      Entendo assim que em função da vacância atualmente dos primeiro e segundo vice, uma vez que o Itamar assumiu como presidente do conselho, ele deverá chamar uma assembleia e indicar os dois vices imediatamente... Isso já deveria ter ocorrido quando o Sr. Newton Baptista renunciou como primeiro vice.... Na minha singela opinião mais uma lambança do Sr. Mucio...

      Excluir
  4. O estatuto novo esta em vigor!!!! E' o novo.

    ResponderExcluir
  5. Tempos de trevas chegaram : a eleição no Juventus e soltaram o Lalau.

    ResponderExcluir
  6. AGUARDEM VEM AI MAIS UMA LIMINAR..........A COISA ESTA COMEÇANDO A PEGAR FOGO AGUARDEM .......PARECE NOVELA MAS É VERDADE.......

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.