Dom Ferreirão vem para ficar !

                       SALVA A GENTE FERREIRÃO !



Luiz Carlos Ferreira, o conhecido Ferreirão, Rei do Acesso, deve chegar nas próximas horas pelo bairro da Mooca para assumir o comando do Juventus, tentando assim por ordem na casa e quem sabe, tirar o Juventus de um possível rebaixamento para a quarta divisão, que seria o fim do futebol do Moleque Travesso.
Essa informação não esta confirmada, embora se chegar qualquer outro nome, nessa altura do campeonato, seria mais uma das grandes "burrices" desta bizarra administração do clube.
Com o Ferreirão, muitos desses jogadores pernas de pau, trazidos por empresários, devem sumir da zona leste e provavelmente tentar a sorte no Ibis.

De qualquer forma, o BLOG MOLEQUE acredita muito no Ferreira e já antecipadamente deseja a ele muito sucesso no comando do Juventus.

Comentários

  1. JESUS - MARIA JOSÉ - DE NOVO NÃO !!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Presidente não se intrometa no futebol profissional. Deixe que o Pernambucano resolva da maneira dele, assim como no ano passado que ele fechou com o Fernando Diniz e você e seus Vices bateram o martelo no Claudemir Peixoto e deu no que deu.

    ResponderExcluir
  3. Ninguém quer ajudar o Juventus, por isso vejo algumas publicações e comentários, todos com interesse próprio, não da pra discutir a situação do clube, mas vamos parar de por a emoção na frente da razão , senão vai cair de novo.

    ResponderExcluir
  4. mais um imbecil que acha que o time vai cair porque alguma publicação fala isso ou aquilo. Não seu trouxa o time vai cair porque o presidente é inutil

    ResponderExcluir
  5. Os únicos que não querem ajudar o Juventus é a própria diretoria que vem acumulando fracassos e mais fracassos e se mantém no poder contra a vontade dos Conselheiros e através de liminares e os diretores laranjas já divulgam pelas alamedas que virão outros processos por ai para mante-los no poder.

    ResponderExcluir
  6. Nos editais e comentários inseridos neste blog, observamos que a "paixão" e o "saudosismo" de um passado glorioso do Futebol Profissional do C.A. JUVENTUS, são citados com certa frequência.
    Com o advento da Lei Pelé, o futebol profissional no Brasil, mudou e muito em sua prática profissional, deixando de ser uma atividade de espetáculo recreativo, com conotação de paixão clubística, de competição por competição, com grandes emoções, passou a ser um espetáculo de entretenimento mercadológico, com à visão do futebol profissional como lazer e negócio.
    O Juventus continuou e contínua com a metodologia amadorística da administração do futebol, não evoluiu para o profissionalismo.
    A nova mentalidade da atividade futebolística nos conduz necessariamente a uma nova posição: o Clube Empresa, numa ideologia empresarial no tratamento do futebol profissional.
    e-mail: nicolaitbr@ig.com.br
    Um juventino de coração.
    ex-conselheiro e ex-diretor financeiro.


    ResponderExcluir
  7. BRILHANTE SR. NICOLA RUSSO, NÃO É JOGADOR, TREINADOR, DIRETOR, PRESIDENTE, É GESTÃO PROFISSIONAL, CLUBE EMPRESA, SENÃO VAI CONTINUAR DO JEITO QUE ESTÁ, NÃO ADIANTA POR DINHEIRO, ACABA O ANO, VÃO TODOS EMBORA, AI O PESADELO COMEÇA NOVAMENTE, NA MINHA OPINIÃO E DE GRANDE PARTE DO CONSELHO, TEM QUE DESVINCULAR A GESTÃO DO FUTEBOL PROFISSIONAL, DA SEDE SOCIAL, A JAVARI TEM QUE TER VIDA PRÓPRIA.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Comentários ofensivos não serão publicados.